‘Mesmo com altos custos, seremos os maiores produtores de soja do planeta’, diz Aprosoja

‘Mesmo com altos custos, seremos os maiores produtores de soja do planeta’, diz Aprosoja

Foto: Canal Rural

Em Vilhena (RO), o presidente da entidade, Bartolomeu Braz, também afirmou que a oleaginosa ocupa apenas 1% do bioma amazônico e ajuda a elevar o índice de desenvolvimento nos locais onde é cultivada

Durante a Abertura Nacional do Plantio da Soja, em Vilhena (RO), o presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja Brasil), Bartolomeu Braz, criticou a onda internacional de criminalização da sojicultura do país. Segundo ele,  apesar dessas falsas acusações e mesmo com os altos custos produtivos e endividamentos dos produtores, o Brasil irá colher em 2019/2020 a maior safra de soja do mundo.

“Quando vemos a Europa falando mal de nós, dá raiva. Lá não há um mínimo de produção sustentável, ainda mais igual à do Brasil. A Europa está com medo da competitividade brasileira e ficam usando situações como as das queimadas para nos atacar. E nós ainda fazemos tudo de maneira sustentável e com inclusão social. Esse é o modelo correto”, disse Braz.

Segundo ele, o custo de produção atual é o maior da história. Ainda assim, os produtores investiram para, com produtividade, superar os concorrentes e se tornar o maior produtor do grão no mundo.

“Neste ano, mesmo com os custos extremamente elevados e até dívidas, seremos os maiores produtores de soja do planeta. E nós, da Aprosoja, estamos aqui para dar a ajuda necessária para o setor produtivo”, afirmou.

Desenvolvimento humano

Segundo ele, há dados que mostram que em locais onde se planta a soja, em 10 anos há alto crescimento do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). “O melhor programa social do mundo é plantar soja com responsabilidade. Incentive os produtores, que eles vão fazer a diferença e interiorizar a economia dos estados e do país”, disse à plateia do evento em Rondônia.

Braz lembrou que a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, não esteve presente à cerimônia de abertura do plantio de soja por estar em uma missão nos países árabes, buscando novos mercados.

Amazônia

De acordo com o presidente da Aprosoja Brasil, a produção de soja é realizada em apenas 1% do bioma amazônico. “Esse pouco já transforma a vida de toda uma cidade. Não existe no mundo uma produção agrícola mais sustentável do que a brasileira, assim como não existe um país com mais reserva legal, ou APP (área de preservação permanente)”, disse.

Fonte: Canal Rural

 

Compartilhe

Write a Comment

view all comments