Dengue matou 37 pessoas em 2020 no MS; São Gabriel continua entre as cidades com maiores índice de incidência de casos

Foto: Durante sua vida, uma fêmea do Aedes Aegypti (foto) pode dar origem a aproximadamente 1.500 mosquitos — Foto: Esalq/USP

Mato Grosso do Sul é o segundo estado do país no ranking de incidência da doença com 57.924 notificações.

Em maio 4 pessoas morreram por dengue em Mato Grosso do Sul, a última vítima foi uma mulher, de 38 anos, moradora de Ponta Porã. Com esses números, o estado soma agora 37 mortes no ano por conta da doença. Foram 8 em janeiro, 8 em fevereiro, 11 em março, 6 em abril e as 4 de maio.

As cidades com mais óbitos por conta da dengue são Campo Grande com 7, Corumbá com 4, Naviraí com 3, Dourados com 3 e Mundo Novo com 2.

São 57.924 notificações em Mato Grosso do Sul, a maioria pessoas com idade entre 10 e 59 anos. Mato Grosso do Sul é o segundo estado do país no ranking de incidência de dengue com 2.020, de acordo com boletim epidemiológico divulgado nesta quarta-feira (20), pela secretaria estadual de Saúde (SES). Os 79 municípios do estado estão classificados com alta incidência, acima de 300 casos por 100 mil habitantes.

Desde fevereiro, Mato Grosso do Sul decretou estado de alerta por causa da dengue. Segundo a Gerência Técnica de Doenças Endêmicas do estado, a recomendação para quem apresentar sintomas de dengue é de procurar assistência médica caso tenha: dor abdominal, vômitos, acúmulo de líquidos, sangramento de mucosa e hipertensão postural.

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DENGUE 2020

ATUALIZADO EM EM 20/05/2020

Boletim Epidemiológico Dengue SE 20

Fonte: G1MS/SES

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias semelhantes