Ganhador do prêmio empreendedor 2019, Gilberto Yaginuma fala sobre atual situação do país

Um dos empreendedores de destaque de São Gabriel do Oeste, Gilberto Yaginuma Júnior(32,formado em ciências contábeis, atual vice-presidente da ACISGA-Associação Comercial e Empresarial de São Gabriel do Oeste e vencedor do prêmio “empreendedor de destaque 2019” escreveu em sua rede social sobre o momento delicado que o país atravessa, de um lado o grande temor da população com a pandemia causada pelo coronavírus e do outro a preocupação da classe empresarial com as consequências que a paralisação do comercio pode trazer para a economia local.

Confira na íntegra o texto de Gilberto Yaginuma:

Eu não sou muito de escrever ou de expressar satisfação, tampouco insatisfação em rede social, porém aos meus familiares, amigos e colaboradores, neste momento vou fazer um breve relato. Ando lendo muito e vendo o que vem acontecendo no mundo, Brasil, logo mais São Gabriel do Oeste/MS. Pra quem me conhece sabe que sou muito dinâmico e sem rodeios, não gosto de achar culpados e sim solução para os desafios. O Covid-19, uma doença nova, que tem um potencial epidêmico e pandêmico já demonstrados no mundo inteiro, onde temos que ter todo cuidado com esse vírus. Ví uma matéria de um médico epidemiológico onde ele relatava que para esses casos existem duas estratégias a serem tomadas: Uma chamada “supressão” e a outra “contenção“. Como todos sabem o Brasil está tomando medidas extremas de “contenção”. Bom eu Gilberto acho que nem sempre as medidas adotadas em outros países darão certo aqui, correto? eu penso que ninguém sabe que partir do momento que essa “contenção” se mantiver efetivamente vai funcionar ou não. A China por exemplo, que fez e vem fazendo o mesmo, agora volta a ter seus casos novamente. Mas no caso do Brasil será que isso vai funcionar? Será que essa pausa que estamos dando no vírus servirá para prepararmos hospitais e clínicas, para futuros atendimento? Se esse for o caso eu vou acreditar. Será que não só estamos adiando o processo? tem cientistas e epidemiológicos do país inteiro sabendo que uma hora ou outra ela vai chegar, por isso se chama ‘’Pandemia’’, partir do momento que tomamos essas medidas, tanto de isolamento quanto outras, sabemos seus efeitos, correto? Ou seja, consecutivamente ela vai ser bem menor futuramente, pois já saberemos dos sintomas e medidas a tomarmos. Porém será que nosso país está preparado para isso? “contenção”? A grande pergunta é:  Quanto tempo o Brasil vai aguentar com todas essas medidas restritivas? Isso não vai implicar em perca de renda e empregos? trabalhadores autônomos, liberais, MEIs, médias e pequenas empresas vão suportar? Será que essa medida é a melhor? Como vai funcionar a economia do País? Respeito todas autoridades e autarquias que nos representam, só acho que para essa restrição nós brasileiros não estamos preparados, vejo que desta forma o país pode entrar no seu pior cenário econômico da história. A fome e o desemprego também mata, novamente falo, estamos preparados para isso? Saques em lojas, mercados, miséria e muito mais podem acontecer, o sistema econômico do país pode mergulhar num colapso irreversível. Sem produzir não conseguiremos honrar nossos compromissos, nem pagar nossos funcionário. Iremos esperar o resultado e correr esse rico de braços cruzados? Senhores, chegou a hora da razão sobrepor a emoção.  Completou Gilberto Yaginuma.

Todos tem seus motivos para estarem preocupados, afinal são vidas que estão em jogo, a situação é nova e requer decisões arrojadas, porém não podemos fechar os olhos para nenhuma possibilidade, o comercio, as industrias e o agronegócio são a força motriz que move o país, se de um lado existe o temor quanto as consequências que o coronavírus pode trazer, por outro existe o medo de uma crise financeira sem precedentes, talvez as palavras do nosso amigo Gilberto seja tudo aquilo que o presidente tentou descrever, porém colocadas da melhor forma possível. Toda reflexão é importante,mas  tomar um lado nesse momento, é arriscado, poucos tem a coragem de assumir publicamente suas idéias, não tenho como dizer que  “abrir o comercio ou manter toda a população em isolamento domiciliar” seja uma decisão fácil de ser tomada, porém dar opiniões públicas em momentos de crises é para poucos. Parabéns Gilberto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias semelhantes