‘Se eu não mostrar, vou morrer calada na mão dele’, diz mãe ameaçada pelo filho

‘Se eu não mostrar, vou morrer calada na mão dele’, diz mãe ameaçada pelo filho

Foto: Divulgação

Filho impede mãe de voltar para casa e destrói tudo: ‘quebrou até as telhas’, diz

“Eu não posso entrar em casa, vivo com medo do meu próprio filho”, lamenta a dona de casa Welida Almeida, 46 anos, que teve a residência, localizada no bairro Parque Novos Estados, em Campo Grande, quebrada pelo filho de 27 anos de idade. O rapaz passou a ameaçar a mãe e impedi-la de voltar para a residência porque ele pretende vender o imóvel.

A vítima registrou boletim de ocorrência no último dia 8 de novembro e afirma que pediu medida protetiva contra o filho, diante das ameaças. “Eu deixei ele morando lá porque tinha medo dele, depois de um tempo ele me disse que já havia arrumado um lugar e que não precisaria morar mais lá”, conta a mulher.

Após isso, a proprietária descobriu que o filho queria vender o imóvel e então retornou para casa. A partir daí as ameaças se tornaram constantes. “Tentei voltar, mas toda vez que arrumava alguma coisa na casa, ele ia lá e destruía, chegava a ir de madrugada e me aterrorizava. Chegou a quebrar as telhas”, disse a mulher.

Welida também relata que tem medo até de morrer. “Tem seis anos que estou nessa situação, voltei a morar com minha mãe sendo que tenho uma casa que eu não posso entrar. Ele arrebentou muro, cadeado, se ver a situação que minha casa está, estou vivendo uma vida de terror. Se eu não mostrar o que estou passando, eu vou morrer calada na mão dele”, finalizou a mulher.

O registro de ameaça foi feito na 3ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande. O caso está sendo apurado pela polícia.

Fonte: Midiamax

Compartilhe

Write a Comment

view all comments